Segunda-feira, 22 Outubro 2018

VPNFilter: alerta de ataque contra routers chegou a Portugal

O VPNFilter pode ter sido criado para atacar a Ucrânia, mas já produziu danos colaterais em mais de 50 países. Linksys, MikroTik, Netgear Inc, TP-Link e QNAP são as marcas referidas como vulneráveis ao VPNFilter.
Exame Informática – Internet

Webdesign by Pombaldir.com